Inteligência Artificial em pauta na SingularityU Brazil

POR: RS Comunicação

O pesquisador brasileiro no Vale do Silício, Alexandre Moreira Nascimento, será um dos palestrantes convidados para a 2º edição do #SUBRsummit, que acontece dias 11 e 12 de junho, no São Paulo Expo. Alexandre apresentará uma conexão entre as tendências do uso da Inteligência Artificial para a infraestrutura no mundo e como o Brasil pode ser beneficiar deste tipo de tecnologia.

“A Inteligência Artificial pode otimizar o uso da infraestrutura já existente, maximizando o aproveitamento de recursos e aumentando a disponibilidade. Isto promete um caminho para a abundância e traz um cenário otimista para o Brasil já queé possível potencializar os serviços de logística, saúde e educação, por exemplo”, explica. Alexandre é pesquisador visitante na Universidade de Stanford e no Lawrence Berkeley Lab, em Berkeley, laboratório com orçamento anual de 1 bilhão de dólares.

Os dois dias por ano em que ocorrem o SingularityU Summit são momentos de encontro e inspiração, catalisadores que aceleram a cultura local de inovação, uma plataforma para aqueles que trabalham em iniciativas de alto impacto e uma oportunidade de reunir os líderes comunitários para discutirem tecnologias em rápida transformação.

A Singularity University (SU) é uma comunidade global de aprendizado e inovação que utiliza tecnologias exponenciais para enfrentar os maiores desafios do mundo e criar um futuro abundante para todos. Já a SingularityU Brazil reúne pensadores, cientistas, formadores de opinião e empreendedores atentos às tecnologias exponenciais e suas aplicações, com o objetivo de formar a comunidade empresarial brasileira e acelerar uma cultura local de inovação. São especialistas globais, líderes de vários setores e mentes curiosas que desejam trabalhar juntas e dar passos concretos para resolver alguns dos maiores desafios do mundo.

Alexandre Moreira Nascimento – É consultor e pesquisador em Inteligência Artificial e Dispositivos Autônomos Inteligentes, com ênfase em aplicações em negócios e educação. É pesquisador visitante na Universidade de Stanford e no Lawrence Berkeley Lab, em Berkeley, laboratório com orçamento anual de U$1Bi. Além da formação em engenharia mecatrônica pela Escola Politécnica da USP, possui um extenso currículo que inclui formações no MIT, FEA-USP, FGV e Escola Paulista de Medicina, bem como especializações nas Universidades de Harvard, Berkeley e MIT. Fundou várias empresas baseadas em aplicações de tecnologias inovadoras tanto no Brasil como no Vale do Silício (Califórnia), onde reside atualmente.

alexandremoreiranascimento@alum.mit.edu

https://www.linkedin.com/in/alexandrem3/

Deixe uma resposta