No dia dos Professores, cantora Adryana Ribeiro e influencer Rafaela Bellucci lembram momentos marcantes

POR: Renato Cipriano
Nesta quinta-feira dia 15 de Outubro, é comemorado o Dia dos Professores e aproveitando a ocasião, a cantora Adryana Ribeiro e a digital influencer Rafaela Bellucci, relembram alguns momentos de quando eram estudantes e as boas recordações que possuem até hoje destes mestres que tiveram a incrível tarefa de educá-los e prepará-los para um futuro melhor.

A digital influencer Rafaela Bellucci, nunca se esquece de quando estava na 3ª série do primário, de sua professora Léia, uma mulata, de cabelos bem cacheados, sempre de bem com a vida, e que havia viajado para a Europa, e ao retornar mostrou as fotos aos alunos e eventualmente dava alguns exemplos vivenciado em sua viagem durante nossas aulas, e logo eu que desde pequena sempre fui muito encantada e sonhava em conhecer o exterior, ficava maravilhada com tudo aquilo que escutava da minha querida professora.

Eu sempre fui uma boa aluna, tirava ótimas notas e era bem participativa na sala de aula, tanto que a Professora Léia vivia me chamando para escrever no quadro e eu amava e não me esqueço nunca daqueles momentos.  Mas o que me encantava mesmo era quando eu podia conversar com ela e saber de detalhes de sua viagem a Europa, de como era a neve e os vários pontos turísticos, e ela super atenciosa me relatava tudo com a maior atenção do mundo.

Confesso que ela foi a minha inspiração de vida, e apesar de ser Pernambucana e atualmente residir bem no coração da capital paulista, eu realizei o meu sonho de conhecer a Europa e mais que isso, por muitos anos eu morei lá e sempre me lembro da Prô Léia que me marcou muito.

Já a compositora e cantora Adryana Ribeiro, que ficou conhecida por integrar o grupo Adryana e a Rapaziada, e por interpretar grandes canções como “Só Faltava Você”, “Tudo Passa” e “Fim de Noite”, confidencializou que adorava ir a escola e estudar, porém a sua preferência sempre foram as aulas de Geografia, História e Portugues, porém o seu grande amor sempre foi as aulas de Educação Artística, pois em sua opinião eram as melhores aulas, por serem feitas na biblioteca, onde tinham que ler em voz alta.

Adryana que também estudava Ballet e a primeira vez que subiu no palco, foi ainda no período do colégio, aos 8 anos de idade, em um musical do Sitio do Pica Pau Amarelo, onde interpretou o papel da Dona Benta, logo depois em outra escola montaram a peça Chapeuzinho Vermelho da Maria Clara Machado, e desta vez ela interpretou uma coelhinha que passeava pela floresta.

Sempre gostei muito de meus professores e respeitava muito a cada um deles que estavam ali se dedicando a mim e aos meus amigos, como se fossem seus filhos.

Compartilhe o post: