Entenda os benefícios gerados pelo início da vacinação

Caio Mastrodomenico, CEO da Vallus Capital, explica quais os benefícios que serão gerados a partir dessa novidade

POR: MGA Press

Muito se especula sobre o início da vacinação. Em São Paulo está previsto no cronograma que começará no dia 25 de janeiro com a vacina Coronavac, que foi desenvolvida pelo laboratório chinês em parceria com o Instituto Butantan. Segundo informações da Anvisa, ela possui eficiência comprovada, e inclusive, já começaram os envios dos documentos para liberação do seu aval.

Todas essas informações divulgadas pelas mídias geram uma boa expectativa em toda a população e trazem consequências benéficas para a economia e sociedade como um todo. Porque, apesar do cenário econômico do país estar se restabelecendo gradativamente, essa possível confirmação da vacinação faz com que os empresários se sintam mais seguros em relação aos seus negócios, podendo investir mais, e também incentiva os clientes a comprarem.

“Muitas pessoas me questionam o porquê acontece esse desencadeamento de ações, e é bem simples a resposta. Quando nos sentimos confiantes de algo, tomamos decisões mais assertivas e com a proposta de uma “solução” para a pandemia, que garanta mais segurança e saúde para a população, elas tendem a criar planos, que obviamente envolvem gastos e compras”, explica Caio Mastrodomenico, CEO da Vallus Capital, fintech de fomento mercantil.

Assim, como toda ação tem uma reação, com a esperança do aumento nas vendas, os empresários e comerciantes acabam adquirindo mais estoque e produzindo em maiores quantidades, e é dessa forma que a economia tende a melhorar cada vez mais.

“É claro que temos que entender que ainda não se tem uma garantia de nada, mesmo com a eficácia da vacina, com as declarações do ministro da saúde afirmando que irão comprar diversas unidades, a instabilidade ainda prevalece, mas não impede de que o otimismo seja alcançado, e sejamos sinceros, é disso que precisamos”, finaliza o CEO.

Sobre a Vallus Capital

Empresa de fomento mercantil, criada pelo empresário Caio Mastrodomenico no início de 2020. Atualmente, possui um crescimento de 1.300% no volume operado e pretende operar 30 milhões até o final de 2021. Além disso, ela conta com aproximadamente 100 clientes e antecipa títulos de até R﹩150.000,00 para pequenas e médias empresas.