Empresa curitibana estrutura fundo que permite oferecer empréstimo para indústria a taxas inéditas no mercado

Além de antecipação de recebíveis, empresários poderão contar com financiamento para capital de giro, financiamento para aquisição de maquinas, matérias primas e empréstimos consignados para os funcionários

 POR: Carolina Lara

Atualmente, existem milhões de empresas lucrativas no Brasil, sendo que cerca de 340 mil são de pequeno porte. No entanto, muitos empresários que cresceram ao longo dos últimos anos ainda desconhecem algumas práticas do dia a dia e por isso, ainda engatinham quando o assunto é desenvolvimento. E isso pode decorrer devido a má administração financeira ou pouco conhecimento de gestão empresarial.

Em 2017, o SEBRAE realizou uma pesquisa com 2 mil pequenas indústrias que fecharam as portas naquele ano, sendo que 26% delas encerram as suas atividades por falta de capital de giro e 25% por problemas relacionados a gestão.

Para isso, a Certus Software, empresa que existe há seis anos e que conta com uma equipe multidisciplinar, desenvolveu uma plataforma inteligente de gestão para auxiliar administradores de pequenas indústrias a gerenciar todas as etapas do processo. “Nossa missão é reduzir ao máximo a mortalidade dessas instituições. Queremos que os gestores sejam capazes de controlar a produção, finanças, compras e venda”, explica Fábio Ieger.

A solução proporciona ao usuário uma experiência agradável e intuitiva, utilizando ícones em telas simplificadas e com todas as informações em um só lugar. Com relatórios de fácil compreensão, auxilia o empresário na tomada de decisões. “Estamos a cada dia nos aperfeiçoando e neste momento estamos incluindo Inteligência Artificial para que o programa possa tomar decisões e auxiliar cada vez mais nas diversas rotinas”, destaca o fundador.

Hoje, a empresa conta com mais de 300 clientes, entre pequenas indústrias dos setores metalmecânico, químico, cosméticos e alimentício, distribuídas em cinco estados, sendo eles São Paulo, Paraná, Minas Gerais, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Fábio explica que a Certus recebeu investimentos da Bossa Nova, de João Kepler e Pierre Schurmann, e da IVP de Fabricio Bloisi e Bruno Rondani, além de passar pela aceleração da Baita Aceleradora, na Unicamp.

“Conectamos nossa plataforma a fundos que realizam estes empréstimos, neste momento estamos criando um banco digital, para ajudar ainda mais as pequenas indústrias”, afirma  Fábio Ieger

Hoje, as maioria das pequenas indústrias não tem limite e/ou score  para realizar empréstimos com os grandes bancos. Eles estão enfrentando dificuldades para obter empréstimo, esses empresários recorrem a recorrerem a agiotas que cobram ainda mais caro. “Nossos clientes já pagaram, em média, mais 4% ao mês conforme levantamento realizado em junho, sendo que já chegaram a pagar mais de 7% ao mês, o que é um verdadeiro roubo, destaca  Ieger

O CEO explica que a equipe está implantando esse novo benefício, que promete revolucionar o mercado e ainda ajudar empresas, de diversos portes, a se manterem ativas e, principalmente, a manter seus empregados.  “Oferecemos também, além da antecipação de recebíveis, empréstimos para capital de giro, financiamento para vendas de mercadorias, aquisição de maquinas, matérias primas e empréstimos consignados para os funcionários. Temos estrutura organizacional e economia para ofertar acesso, aos nossos clientes, a dinheiro barato. E isso é possível”.

Fabio revela que todo o processo será simples, fácil, ágil e muito transparente.  “Nossos clientes é que vão ganhar, em breve, a funcionalidade para realizar a antecipação de recebíveis. Todo o processo, desde a contratação, definição das taxas e a realização da antecipação será dentro do ambiente da Certus. Basta o usuário do sistema realizar a contratação, enviar a documentação solicitada que a taxa será definida. Quanto mais serviços forem contratados, menores serão os percentuais definidos também através de inteligência artificial, sem qualquer interferência humana”, explica Fábio.

A antecipação se dará no mesmo dia, caso o cliente solicite o serviço até às 15h. Após esse horário, o depósito vai ocorrer até o próximo dia útil.  “Infelizmente, ainda estamos limitados ao período de transferências via TED”, destaca.

O CEO afirma que o plano é alavancar ainda mais os negócios no próximo ano, e assim expandir alcançando empresas no Rio de Janeiro, Bahia, Espírito Santo e também Goiás. “A projeção de crescimento da Certus é de dez vezes o seu formato atual. Se levarmos em consideração o crescimento da base, podemos estimar em até 30 vezes. Estamos com várias vagas abertas, desde atendimento, programação e analistas de créditos”, finaliza Fábio.

Para saber mais, acesse o site https://www.certus.inf.br/ ou pelas redes sociais – @softwarecertus