Dadinho comemora 67 anos com curiosidades que marcam sua história

POR: Virou Notícia

Dia 25 de janeiro não é só aniversário da cidade de São Paulo, mas também é comemorado os 67 anos do Dadinho, o doce de amendoim que é motivo de nostalgia de muitas gerações e considerado uma das marcas mais lembradas dos últimos anos.

Seu formato de cubo característico é sucesso desde os anos 50 e ganhou recentemente novos formatos e combinações de sabores. Durante esses 67 anos muitas curiosidades fizeram parte de sua trajetória. Confira alguns momentos históricos da marca:

Anos 50

No dia 25 de janeiro de 1954, São Paulo comemorava 400 anos e o evento ficou conhecido como Quarto Centenário. Para homenagear a data, foi lançado o doce de amendoim quadradinho com o nome “IV Centenário”, fabricado pela Dizioli.

A decisão de usar o papel metalizado para envolver o doce, veio após a festa de inauguração do Vale do Anhangabaú, realizada naquele mesmo dia, que teve uma chuva de papeis triangulares prateados do céu. Inspirada neste momento, foi desenvolvida uma embalagem semelhante para o novo produto. Foi o primeiro doce a ser embalado em papel metalizado no Brasil, uma inovação também no mercado de guloseimas.

Após o sucesso de vendas nos anos seguintes, todos chamavam o IV Centenário pelo seu apelido: Dadinho, que tornou o nome oficial do produto.

Para homenagear a cidade, também foi inaugurado o Parque do Ibirapuera e logo em sua entrada havia uma obra do arquiteto Oscar Niemeyer, a “Voluta Ascendente”, considerada um símbolo do IV Centenário da cidade de São Paulo. Curiosamente a obra desabou pouco tempo depois de sua inauguração, mas desde seu lançamento, até hoje, as embalagens do Dadinho e os outros produtos da linha possuem um símbolo espiralado representando essa obra.

Anos 80

Sendo um produto tipicamente paulista, o Dadinho teve um crescimento em outras regiões do Brasil, após aparecer como patrocinados do programa do Fofão, na TV Bandeirantes, personagem vivido por Orival Pessini, que surgiu no Balão Mágico.


Anos 2000

O Dadinho, incorporado ao portfolio da empresa Doce Sabor, é distribuído para todo o Brasil e a sua fabricação é feita na cidade de Ribeirão Preto, interior de São Paulo até os dias atuais.

Festa Junina

Por ser um tradicional doce de amendoim, o Dadinho é componente indispensável nas Festas Juninas, o que eleva o número de vendas e, consequentemente, sua produção aumenta durante o inverno.

2016

Pela primeira vez, o Dadinho expande sua linha de produtos e lança a “Família Dadinho”, com o objetivo de atrair ainda mais os consumidores adultos que remetem o doce à infância e apresentar aos mais jovens uma novidade recheada de história.

Pensando nisso, a marca iniciou a produção de bombons, wafers recheados, e o famoso Dadinho cremoso em pote, todos mantendo o sabor do original.


2017- 2018

Para atingir ainda mais consumidores com seus produtos, a marca lançou a Loja Dadinho, seu e-commerce para venda on-line dos doces, itens decorativos, como caneca, almofada, brinquedos com uma pegada retrô, como iô-iô e pião, além de combos de produtos com descontos em datas especiais (www.lojadadinho.com.br).

Além disso, houve o lançamento de produtos com embalagens focadas no food service.e caixas sortidas.

2019

Para complementar sua linha de produtos, em 2019 as novidades ficaram por conta do Dadinho ZERO (com 0% adição de açúcar), Dadinho Duo (que leva uma combinação de chocolate com Dadinho), Dadinho Roll (wafer crocante recheado com creme dadinho e coberto com chocolate) e o Tribombom (base de wafer com três bombons recheados de creme de dadinho e finalizado com a cobertura de chocolate), atualmente a marca possuí em seu portifólio mais de 30 SKU´s.

2021

Para este ano, o Dadinho planeja continuar expandindo sua família e, com o final da pandemia, a ideia é retomar seus projetos nas ruas, nos pontos de vendas e para todos.

Sites: www.dadinhooriginal.com.br | www.lojadadinho.com.br

Instagram: @oficialdadinho